Quando descobri o sexo do meu bebê.

Atualizado: Mar 24

Sempre escutei que mulher tem sexto sentido e pude comprovar isso da forma mais linda.



Chegou o dia do ultrassom, o dia em que eu iria descobrir o sexo do meu bebê. Estava de 11 semanas e não me rendi ao exame de sexagem fetal, além de ser um exame caro na época, eu queria a surpresa de poder ver na tela do consultório enquanto escutava o coraçãozinho bater. Então lá fomos nós para mais um exame no #Fleury.




Chegando ao laboratório, eu meu marido minha mãe e minha sogra, aliás isso foi um evento, por que a cada exame uma galera queria ir junto. Isso foi bem legal!


Uma médica me atendeu fez o exame, falou de tudo, tamanho, batimentos, medidas etc, etc... e de repente ela diz: 70% de chance de ser uma menininha 🎀, parabéns!


Neste momento um filme se fez em minha memória. Desde criança eu sempre quis ser mãe de menino, meu mundo nunca foi cor de rosa e cheio de laços, e eu, no fundo no fundo, desde que descobri que estava grávida tinha certeza que era menino.


Fiquei até um pouco desapontada, minha mãe e minha sogra felissísimas por ser uma menina, meu marido ficou feliz mas sabia que ia ouvir aquele monte de piadinhas machistas e sem graça. E o mais louco disso é que eu só tinha nome de menina na cabeça - vai entender a maternidade....


Maaaaas eu não podia reclamar, afinal eu estava GRÁVIDA e isso era a maior felicidade da vida, até por que eu já havia perdido uma gestação anterior. (assunto pra outro post)


Bom, saímos de lá e começamos a imaginar a vida agora com uma princesa, e fomos nos acostumando com a idéia da menina e claro que depois desse primeiro impacto a gente vai curtindo a idéia.


Passada 1 semana, lá fomos nós para mais um ultrassom e dessa vez foi um time de futebol com a gente. Agora era hora dos homens da família, meu pai, meu sogro e meu cunhado e desta vez havia agendado o exame com um médico que havia sido indicado pelo meu obstetra, ele preferia que eu sempre fizesse os exames com o Dr. Marco Antonio Borges Lopes.

Chegamos a sala do exame, todos sentaram de frente a TV, o Dr. Marco entrou na sala, foi super simpático, conversou com todos e começou o exame. Mediu, pesou, explicou e de repente, não mais que de repente ele digita na tela: PIUPIU e neste exato momento parecia que ele tinha feito um gol naquele exame. Gritos ecoavam pela sala, meu marido super empolgado e eu? Eu só dizia: Eu tinha certeza! Eu sabia!


Por isso, confie no seu instinto materno. Sobre tudo que envolver a maternidade. Você sempre saberá o que fazer!

E para você, como foi o momento da descoberta do sexo?

Posts recentes

Ver tudo