Como conciliar homeoffice e homeschooling?

Atualizado: Mar 23


De repente, de uma hora para outra todos nós precisamos aprender a lidar com o desconhecido e tudo que veio com o pacote.

Fomos obrigados a nos adaptar rapidamente com todos em casa, dar conta das compras, refeições, tarefas profissionais, sem ajudas externas, noticias assustadoras diariamente e o medo do desconhecido assolou o mundo!


Passado o primeiro "baque", agora o momento pede organização. Colocar as crianças em EAD (Ensino à Distância) enquanto precisamos definir o cardápio, entrar no call da empresa, passar aspirador e conseguir minimamente executar todas essas tarefas a tempo de não perder o início da aula ou entrar no call de pijama.


Por aqui, o que funcionou foi manter a ROTINA.


Já estamos há quase 1 ano em quarentena, muitas coisas mudaram por aqui, desde o local do EAD até a forma como fazer a faxina, a única coisa que não mexi foi na ROTINA diária do meu filho. Criamos alguns combinados e entre uma reunião e outra eu consigo jogar uma partida de UNO para não deixar que o dia dele seja tão maçante e tento, sempre que possível, um espaço na minha agenda para ficar com ele.


O que funcionou aqui para uma criança de 07 anos?

  1. Trasnferi o local de estudo, para um ambiente com menos interferências visuais;

  2. Deixo todos os livros e tudo que ele vai precisar para aula daquele dia separados (antes, eu marcava as páginas com um post-it, hoje eu já não abro os livros, assim ele cria autonomia, assim como era trabalhado na escola.);

  3. Coloco um copo de água (com tampa e canudo) para que ele possa se hidratar durante a aula sem precisar sair ou me chamar);

  4. Já deixo pré pronto o lanche;

  5. Preparo o tablet e quando a aula começa eu deixo ele lá, fico de longe escutando (caso tenha alguma dificuldade) mas espero pra ver se a professora consegue ajuda-lo.

O que aprendi com isso?

Nós, pais interferimos muito rápido quando há alguma dificuldade, e de certa forma a gente tira a autonomia deles, deixando-os mais inseguros e até preguiçosos;

Acredito que as crianças se adaptam mais rápido a mudanças do que nós adultos. A nós, cabe estimulá-los e incentivá-los a ter autonomia e independência.

Sobre os combinados Criei uma ROTINA bem definida, onde ele precisa me ajudar com as funções de casa, claro que respeitando a idade de cada criança. Além de mostrar a importância de cuidar da casa e das suas coisas, é mais um tempinho que podemos passar juntos.


E por ai, como tem sido o seu dia-a-dia?



13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Paninho, fraldinha, naninha...

Paninho, fraldinha, naninha... Você sabia que esse objeto tem um significado muito importante para o bebê?